Fale Conosco: falecom@harvestersbrasil.com.br
 

Atravessando Rios por causa do Evangelho

Atravessando Rios por causa do Evangelho

Até onde você viajou para espalhar as Boas Novas?

Pastores em Angola, Madagascar e Brasil têm uma coisa em comum: eles cruzaram rios profundos, sujos e perigosos para compartilhar o Evangelho.

Vadeando pelas águas até a cintura em Angola

O pastor Peter Kambulo, da Zâmbia, empacotava seus pertences e os levantava sobre a cabeça para mantê-los secos enquanto atravessava pântanos e planícies fluviais inundadas para poder alcançar as pessoas “não alcançadas” de Angola, com as quais ele se preocupa tanto. Ele estava determinado a compartilhar o Evangelho a qualquer custo!

Através de dedicação, trabalho duro e uma paixão para ver vidas sendo transformadas pelo Evangelho, ele plantou uma igreja na cidade vizinha de Kasupa – que na verdade fica na fronteira com Angola.

Peter agora se mudou permanentemente para Angola com sua família, continuando alcançando os perdidos para Cristo.

Longas viagens pelo rio Amazonas

O pastor Marcos da Silva, da região do Amazonas, no Brasil, é treinado na metodologia dos Harvesters de plantação de igrejas. Agora ele viaja ao longo do poderoso rio Amazonas evangelizando comunidades tribais não alcançadas.

Enquanto seu pequeno barco percorre o vasto corredor do rio entre muros de árvores, ele ouve cada respingo que o aproxima de pessoas que estão tão abrigadas que nunca ouviram o Nome acima de qualquer outro nome: Jesus.

“Centenas e centenas de quilômetros são percorridos em pequenos barcos na poderosa Amazônia para alcançar milhares de almas e plantar igrejas onde não há”, diz François Rauch, Diretor Regional de Harvesters para a América do Sul, ao apresentar uma foto de dezenas de pessoas amontoados em uma pequena cabana rural ouvindo o Evangelho. “Oitenta por cento das aldeias ao longo das margens do rio Amazonas não têm igreja ou comunidade cristã.”

Atravessando águas infestadas de crocodilos em Madagascar

O pastor Alain Moreno é professor de uma faculdade bíblica em Madagascar. Muitos de seus alunos viajam de longe para participar de suas aulas. Ele notou uma em particular que era diferente em seu serviço, sua fidelidade e sua atitude e compromisso. Ele queria saber por que, e o Senhor o incitou a visitar sua aldeia natal.

Alain viajou 600 km até a cidade mais próxima, depois outros 40 km de ônibus até uma vila mais próxima, depois caminhou mais 10 km para chegar à casa de seu aluno! “Não há acesso para o carro, estava difícil e quente”, lembrou Alain. “Tivemos que escalar montanha por montanha – subindo e descendo. A caminhada durou 8 horas.”

No meio dessa jornada traiçoeira, Alain e seu companheiro foram detidos por um rio que bloqueava seu caminho. “Você tem que orar se estiver com medo”, disse o ancião que estava viajando com Alain. “Por que?” Alain respondeu nervoso. Este rio era o lar de crocodilos.

O ancião estava preparado. “Temos uma técnica antiga para distrair o crocodilo”, disse ele. Eles jogaram uma grande pedra para o lado esquerdo de seu caminho, causando um enorme respingo para chamar a atenção da criatura – dando uma oportunidade para a dupla correr pelas águas. Eles emergiram do outro lado ilesos!

Alain continuou suas viagens para a casa de seu aluno. Por causa do rio dos crocodilos, os habitantes só vão ao mercado duas vezes por ano, quando as águas estão baixas. Alain foi recebido com generosa hospitalidade, mas só comeu um pouco para não esgotar as reservas daquelas pessoas. Muitos não deixaram a aldeia durante toda a vida.

“Quando terminamos de comer à luz de velas por volta das 20h, as pessoas estavam chegando uma a uma juntando-se ao lugar onde eu estava sentado no quintal. Elas estavam fazendo perguntas”, lembrou Alain. “Achei que esta seria uma ótima ocasião para falar a eles sobre Deus e a humanidade.”

Alain ficou com as pessoas daquela vila por 5 dias compartilhando o Evangelho. Antes de partir, ele batizou três pessoas no arrozal.

Esses homens e mulheres de Deus são dedicados à missão da Igreja de Cristo. Ore por todos os nossos pastores enquanto eles levam mais almas a Jesus Cristo. Você pode apoiar o nosso trabalho hoje! R$840 fornecem a um pastor estudante três anos de treinamento ministerial, durante os quais eles plantam três igrejas por meio do evangelismo.

No Comments

Post A Comment